Unlimited WordPress themes, graphics, videos & courses! Unlimited asset downloads! From $16.50/m
Advertisement
  1. Photo & Video
  2. Look at This!
Photography

Um menino entre homens

This post is part of a series called Look at This! Great Photographs Revisited.
A New American Gothic
On the Station Platform

Portuguese (Português) translation by Renato Somel (you can also view the original English article)

Hine, Lewis Wickes, fotógrafo. Shorpy Higginbotham, um "lubrificador" na bebida na Bessie Mine, do Sloss-Sheffield Steel e Iron Co. Disse que ele tinha 14 anos, mas é duvidoso. Carrega dois baldes pesados ​​de graxa, e é muitas vezes em risco de ser atropelado pelos carros de carvão. Local: Bessie Mine, Alabama. Dezembro de 1910. Imagem recuperada da Biblioteca do Congresso, https://www.loc.gov/item/ncl2004000594/PP. (Acessado em 14 de junho de 2016.)

O que podemos ver?

Nesta fotografia poderosa em preto e branco, um grupo de 18 meninos e homens posa para o fotógrafo e olha atentamente para a lente. Imediatamente podemos dizer que a imagem é de uma natureza histórica, documental que retrata um tempo há muito tempo.

Clad em sua própria roupa de trabalho imundo, o grupo parece estar em um local de trabalho ao ar livre. Estão no chão que compreende a sujeira e os restos e uma trilha do ferro, quando uma estrutura austera com um telhado pico telha no fundo.

Há um garoto, na frente e no centro, que comanda a nossa atenção inicial. Permanecendo um pouco na frente dos outros, ele é claramente o foco do fotógrafo dentro de uma profundidade de campo um pouco rasa. O menino segura uma lata preta brilhante com um cabo e um bico, enquanto sua outra mão forma uma posição ensinada rather peculiar. Suas sobrancelhas franzidas e sua boca selada, ele olha com determinação para o sol radiante.

Ao seu redor estão meninos e homens que fazem suas próprias poses: alguns ecoam o olhar severo do garoto ou parecem duvidosos ou curiosos, enquanto outros estão mais à vontade, adotando uma postura casual e a sugestão de um sorriso. Os trabalhadores colocam chapéus de diferentes estilos, mas cinco deles têm o mesmo objeto indiscernível preso à frente de suas tampas. Um suporte de lâmpada, possivelmente? Alguns usam luvas e um par agarrar as ferramentas que caem por seus lados. Não é possível saber o que todas as etnias trabalhistas são, mas quatro parecem ser africano ou afro-americano.

O que sabemos sobre a imagem?

A imagem foi feita pelo fotógrafo Lewis Hine em Jefferson, Alabama, em dezembro de 1910, e temos a grande fortuna de estar a par das notas de Hines na foto, que respondem a muitas perguntas sobre a fotografia: "Shorpy Higginbotham, um 'Greaser' na bebida na Bessie Mine da Companhia de Aço e Ferro Sloss-Sheffield. Disse que tinha 14 anos, mas é duvidoso. Carrega dois pesados ​​baldes de gordura e muitas vezes corre o risco de ser atropelado pelos carros de carvão.

Embora nem todos os trabalhadores parecem ser tão jovens, aprender que o principal assunto da fotografia, Shorpy Higginbotham, é provável menos de 14 anos de idade fala com as realidades da época. Apesar de uma pequena recessão em 1907, a economia dos Estados Unidos foi relativamente forte em 1910. No entanto, os Estados Unidos ainda eram um país muito jovem, e seus cidadãos eram em grande parte da lacra, ambicioso ilk: a maioria estava aqui para fazer uma vida melhor para si mesmos, mesmo que isso significasse tomar um trabalho que ponha sua saúde ou vidas em risco.

Como nos faz sentir?

Quando eu olho para esta fotografia, a primeira coisa que sinto é grato que esta história tenha sido preservada. É tão importante saber de onde nós viemos, e nada o diz completamente como um retrato-embora eu seja admitido preconceituoso!

A segunda coisa que sinto é um híbrido de emoção. Ver pessoas - muito menos adolescentes - que trabalham nessas condições é doloroso. Eu não sei quais foram suas situações pessoais ou quão desesperadas elas poderiam ter sido, mas minha imaginação desvia para o pior. Eu suponho que a vida era bastante difícil para essas pessoas, e mesmo assim eu não ficaria surpreso se tivessem uma joie de vivre contagiante apesar de suas realidades.

Ao mesmo tempo, sinto admiração por sua tenacidade para ganhar uma vida honesta e sou inspirado por sua ética de trabalho, apesar dos desafios que certamente enfrentaram.

Eu gostaria de ter estado lá com Hine. Cada um de seus rostos conta uma história, e eu teria gostado de aprendê-los.

Sua vez! Operador de Switch Bashkir

Está aqui uma fotografia de um switchman nas montanhas de Ural de Rússia. Foi feito também em 1910. Esta fotografia sente mundos separados, embora seja um retrato e inclui muitos dos mesmos elementos composicionais como nosso primeiro exemplo. Por que se sente tão diferente? O que há de especial nessa foto?

Strielochnik bashkir Bashkir switchman
Prokudin-Gorskiĭ, Sergeĭ Mikhaĭlovich, fotógrafo. Bashkir Switchman. Ural mountains, 1910. Imagem recuperada da Biblioteca do Congresso, https://www.loc.gov/pictures/item/prk2000002616/. (Acessado em 14 de junho de 2016.)
Advertisement
Advertisement
Advertisement
Advertisement
Looking for something to help kick start your next project?
Envato Market has a range of items for sale to help get you started.